sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

João Ubaldo Ribeiro

Membro da Academia Brasileira de Letras, até julho do ano passado, quando faleceu, nasceu em 23 de janeiro de 1941, dia de hoje. Então veio a vontade de buscar algo nos seus escritos e publicar. Me deparei com seu discurso de posse na ABL e um trecho me chamou a atenção, pois, apesar do discurso datar de 1994, parece que foi hoje. Me levou a pensar o quão importante é para um povo refletir sobre seu passado, sua história, no mínimo, para não cometer os mesmos erros no futuro e valorizar os traços que nos identificam como povo brasileiro. Nos amarmos, aceitarmos nossa história, é o primeiro passo para saber de que forma devemos buscar mudanças em nós e no país.

" (...) Brasileiros que hoje enfrentam problemas da  mais grave magnitude, em meio à injustiça social, à insegurança e à descrença em nós mesmos. Mas não podemos permanecer  descrentes, não se pode viver sem esperança. Não é muito o que está ao alcance dos escritores para diretamente alterar essa situação. Mas contribuímos, como todos os artistas, para o conhecimento de nós mesmos, a afirmação da nossa identidade. Um país sem seus livros, suas canções, suas danças, seu cinema,  suas pinturas e esculturas, suas manifestações culturais, enfim, não é um país, é apenas um conglomerado de vizinhos malsatisfeitos. E isso não somos, não queremos ser, jamais seremos.(...)" (08/06/1994)

Fonte: http://www.academia.org.br/abl/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=13713&sid=319